terça-feira, 3 de novembro de 2015

O Dom Diamantino que conhecemos

       
     Às vésperas do término do ciclo de Dom Diamantino Prata de Carvalho à frente da Diocese da Campanha-MG, decidi escrever este texto com as lembranças que armazenei do nosso bispo ao longo dos últimos anos...

    Dom Diamantino sempre chama atenção por onde passa com sua alegria e disposição. Acredito que a lembrança mais latente e comum para grande parte dos que estão lendo este texto seja em uma Crisma Diocese afora...Também me incluo nesta lista, fui crismado por ele e duas vezes padrinho em cerimônias presididas pelo bispo de origem portuguesa...

      De 1998 pra cá, nos encontramos dezenas de vezes nos mais diversos eventos diocesanos, no entanto, quero destacar os mais marcantes, principalmente da época em que coordenava a Legião de Maria Jovem. Confira na linha do tempo: 

      2000- É o terceiro a conceder entrevista ao recém criado Jornal Planeta Legionis. 
      2001- Ministra palestra no retiro da Legião de Maria no Cenáculo. 
     2004- Realiza visita pastoral à Paróquia do Mártir São Sebastião. Na oportunidade, participa da reunião do nosso juvenil onde apresentamos um teatrinho em que interpretei o próprio bispo, contando-lhe nossa trajetória de eventos ao seu lado. 
     2005 – Papo Cabeça em Campanha. Audaciosamente tocamos o interfone do Palácio Episcopal e o próprio bispo atendeu e concordou em nos receber para um bate papo nos jardins do local. 
   2007- Papa Bento XVI visita o Brasil, PJ organiza caravana para evento com jovens no Pacaembu; Diocese da Campanha completa 100 anos; primeiro Dia Nacional da Juventude- DNJ que apresentei. O evento foi realizado em Varginha e contou com a presença de Dom Diamantino. 
   2008- DNJ em Cruzília, apresentei e interagimos no palco mais uma vez. 
   2009- Participa do Papo Cabeça ao vivo no Pope Jovem 4 em Varginha [segunda foto do texto] e da I Jornada Vocacional Diocesana, que também apresentei em Varginha. 
   2010- I Retiro Diocesano das Santas Missões Populares em Varginha; Participa do evento dos 50 anos de fundação da Paróquia do Mártir São Sebastião e descobre nosso audacioso projeto de formar o primeiro grupo em cem anos de Diocese da Campanha a participar de uma Jornada Mundial da Juventude. 
 2011-Participa da Jornada Diocesana da Juventude em Varginha e redige Cartas de Recomendação para cada integrante do nosso grupo de peregrinos rumo à Taizé e à JMJ Madrid. 
  2012- Nos menciona como exemplos [citando nossos trabalhos para angariar fundos] por toda a Diocese, incentivando os jovens a fazerem o mesmo para garantirem sua participação na Jornada do Rio de Janeiro. 
   2013- Participa da Jornada Diocesana da Juventude em Campanha; do Bote Fé em Campanha e Varginha [evento de acolhida dos símbolos da JMJ], talvez seja o evento que me recorde com mais simpatia, pois ao final da Missa, incentivei os sete mil fieis presentes a entoarem: "Esta é a juventude do Bispo!" [foto principal da matéria], histórico!;Cerimônia de Beatificação de Nhá Chica em Baependi; Celebra Missa de encerramento no Pope Jovem 3D no Cenáculo [foto acima]; JMJ do Rio com o Papa Francisco e participa do DNJ em Boa Esperança; 
    2014 – DNJ em Soledade de Minas, apresento o evento pela quarta vez. 
    2015- Missa do Crisma na Catedral de Santo Antônio [recém reformada] em Campanha, em que anuncia a beatificação de Pe. Victor. 

     Realmente muita coisa me veio à mente neste momento...Essa história garantiu muitas páginas e destaques nas linhas do Planeta Legionis! No entanto, o que mais marcou neste tempo foi o incentivo que recebemos. Dom Diamantino sempre foi um admirador do Pope Jovem. Gostava de nos ver com as camisetas do grupo e perguntava com entusiasmo quais cidades já tínhamos visitado e as próximas da lista. Em qualquer evento que detectava a nossa presença, sempre vinha conversar...

     Enfim, só me resta agradecer-lhe por tudo. Realmente foi muito bom poder contar com um pastor próximo ao seu rebanho e ciente dos desafios da juventude contemporânea...Que Deus continue abençoando a sua vida e ilumine o seu sucessor, Dom Pedro, para que continue a obra com motivação. 

                            O Legado de Pe. Moacir

                             

4 comentários:

Lineker Silveira disse...

Bela retrospectiva! Dom Diamantino deixa o cajado após duas beatificações na região. Viva Dom Diamantino!

Seja bem-vindo, Dom Pedro!

Matheus Pissolatti disse...

Com certeza Líneker....obrigado por ter lido a matéria...viva os dois bispos...hehee

Simone Silverio disse...

Menino perfeita e enriquecedora a matéria Matheus!!!!Com certeza combateu o bom combate!!!!!!Que nosso Deus ilumine Dom Pedro em sua trajetória pastoral!!!!

Matheus Pissolatti disse...

Que bom que vc leu Simone...com certeza ele fez um belo trabalho...que Deus abençõe o seu sucessor....